terça-feira, 25 de agosto de 2015

(Literatura): O inicio diz tudo

free image on http://www.freeimages.com/photo/volumes-of-words-1537326
O que faz um livro ser inesquecível?

Os personagens, a trama, os dramas, os cenários, as descrições, o desenlace, o final?

Para mim, qualquer coisa desse tipo pode tornar um livro difícil de esquecer. Logicamente temos a tendência a lembrar dos últimos eventos. Uma vida inteira de virtudes pode ser esquecida por momentos finais de luxuria e destempero, ou, contrariamente, uma existência de vícios e crimes pode ser perdoada por um ou outro momento movimento final de compaixão e piedade.

(Devaneios): Os belos se atraem?

free images on http://www.freeimages.com/photo/girl-with-smile-1171087
Pessoas belas somente deveriam atrair pessoas belas. É por causa dessa lógica, e  sobre esse pensamento que ele desenvolve o momento que lhe aflige.

É que, há pouco tempo, foi surpreendido por uma atitude de uma pessoa que, até aquele momento, achava que nunca faria tal coisa.

sexta-feira, 7 de agosto de 2015

(Devaneios): Apenas um antigo tubarão

free image on http://www.freeimages.com/photo/shark-and-remora-1563737
De onde vem o pessimismo? De que lugar, na mente insana de pessoas frustadas e tristes, nasce a ideia de que nada mais vale a pena? Mas, ser pessimista significa exatamente, ou mesmo parcialmente, ser um fracassado?

De onde vem o sentimento de derrota ou ainda, por outro lado, será que o pessismo significa exatamente derrotismo?



sexta-feira, 24 de abril de 2015

(Devaneios): Uma epifania demoniaca



Free image on http://www.freeimages.com/photo/abstract-1172790
Presenciei uma epifania agora (não epifania filosófica, mas uma epifania no sentido de aparição, algo que beirou ao fantasmagórico, pois impregnou minha retina e meus ossos e não quer sair) e preciso deixar registrado, pois acho que nunca mais passarei por tamanha aparição.

Nesse momento, graças a essa visão, penso que, de fato, nunca poderei aspirar a mais do que tenho, porque sei que dificilmente passarei por privação de um desejo maior do que acabo de testemunhar.

segunda-feira, 9 de março de 2015

(Poema): Que saibam todos

free image in http://www.freeimages.com/photo/1399296 by Cieleke

Queria apenas deixar registrado que amo teu sorriso. Amo sim.
deixar evidenciado a minha paixão por teu jeitinho, por teu falar, teu andar.
ficar claro que não há condições para o meu amor.

Queria que todos soubessem o quanto você é importante para mim,

preciso que o mundo inteiro seja testemunha disso,
é necessário que não exista dúvidas sobre a minha entrega, a minha sujeição,

Para que, mesmo daqui a anos e décadas,

quando nem eu mesmo der conta deste momento,
eu tenha muitas pessoas que atestem que era verdade,

Era verdade que, quando o meu espírito ainda habitava e governava meu mundo, e que,

quando minha consciência não era apenas uma vaga lembrança
e eu podia responder por mim mesmo,

eu deixei registrada a minha paixão sem concessões por ti, minha filha.